Processo de ex-aluno é resolvido na justiça

James Franco resolveu um processo aberto no ano passado por um ex-aluno que disse ter escrito vários rascunhos para o filme “Artista do Desastre” (The Disaster Artist).

Ryan Moody entrou com uma ação em março (leia aqui), alegando que ele foi enganado a desistir dos direitos de seu trabalho por apenas US $ 5.000. Moody processou a empresa de Franco, a Rabbit Bandini Productions, e a empresa de Seth Rogen, a Point Grey Pictures, que produziu o filme.

“O processo foi resolvido”, disse Brian Grossman, advogado de Moody, à Variety na segunda-feira. Termos do acordo não foram divulgados.

Moody conheceu Franco como aluno em sua aula de cinema na UCLA. De acordo com o processo, Franco pediu a ele em 2013 para adaptar o livro sobre a produção do filme “The Room”. Moody alegou que ele trabalhou em tempo integral no projeto por quatro meses, entregando cinco rascunhos do roteiro.

Moody disse que a Point Grey quis substituí-lo por escritores mais experientes, então ele relutantemente concordou em assinar o seu direito ao seu trabalho. Moody alegou que Franco e seus parceiros prometeram desenvolver outro projeto, “On the Bus”, que nunca saiu do papel. Ele também alegou que lhe disseram que se ele não cooperasse, ele nunca mais trabalharia com Franco e Rogen.

Ele disse que lhe foi prometido crédito como produtor associado, e só ficou sabendo quando o filme foi lançado que ele não recebeu nenhum crédito.

Os advogados dos réus argumentaram que a Moody estava simplesmente tentando desfazer um acordo válido, e que ele não foi induzido a erro ao assinar o contrato. Eles procuraram demitir o processo sob o estatuto anti-SLAPP da Califórnia.

Fonte: Variety.



The comments are closed.

Acompanhe nossas redes sociais
Nosso Instagram
Parceiros

Alerta de TV
10 Fev
Artista do Desastre
Canal: Max | Horário: 19:15
13 Fev
Linha de Frente
Canal: Megapix | Horário: 21:30
14 Fev
Artista do Desastre
Canal: Max | Horário: 18:25
15 Fev
Tinha Que Ser Ele?
Canal: TC Fun | Horário: 19:55